BLOG


Ciberataques tiram do ar site da Agência Nacional contra o Crime do Reino Unido

O site da Agência Nacional contra o Crime (NCA, na sigla em inglês) do Reino Unido ficou temporariamente fora do ar nesta terça-feira, 1º, de manhã, quatro dias depois de seis adolescentes serem libertados sob fiança por suspeita de usarem uma ferramenta de ataque cibernético do grupo de hackers Lizard Plantel. Os suspeitos são acusados de usar a Lizard Stresser, ferramenta que bombardeia sites e serviços com tráfego falso, para atacar um jornal britânico, uma escola, empresas de games e vários varejistas online.

O portal da NCA foi alvo de um ataque de negação de serviço (Distributed Denial of Service, ou DDoS), o que impediu os usuários de acessá-lo. Em nota, a NCA disse que "o website é um alvo atraente. Ataques contra ele são um fato da vida". Mas ressalta que DDoS é uma forma contundente de ataque que tem volume e não habilidade. "Não é uma violação de segurança, e ele não afeta nossa capacidade operacional."

Por volta das 9h (horário de Londres), a conta do Lizard Plantel no Twitter postou uma mensagem: "O estressado", numa alusão ao nome do código usado para lançar os ciberataques.

As detenções da semana passada foram feitas como parte de uma operação de codinome Biotério, coordenado pela NCA e envolvendo oficiais de várias forças policiais. Dois jovens de 18 anos de idade, um de 16 anos e um de 15 anos foram presos na semana passada, enquanto outros dois, ambos com 17 anos, haviam haviam sido detidos no início deste ano.

Fonte: Converge.com