Como evitar fraudes com proteção de dados

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Como evitar fraudes com proteção de dados

Neste artigo você verá como evitar fraudes implementando proteção de dados e ainda manter o bom relacionamento com seu cliente.

A Pesquisa Global de Identidade e Fraude 2020 da Serasa Experian, lançada recentemente, aponta que 57% das empresas estão enfrentando perdas crescentes devido a fraudes ano após ano, apesar de afirmarem ser capazes de identificar seus clientes com precisão.

Quase três em cada cinco empresas disseram que houve aumento de fraude nos últimos 12 meses. Ou seja, o estudo relevou indícios significativos de que as preocupações das empresas com o aumento de fraudes persistem.

Interessante observar que 95% das empresas acreditam ter alta confiança em sua capacidade de identificar e reconhecer seus clientes a cada interação, mas 55% dos clientes ainda não se sentem reconhecidos. Ou seja, o aumento considerável na incidência de fraudes sugere que a confiança das empresas é equivocada.

Tela de celular com texto preto sobre fundo branco

Descrição gerada automaticamente

Por outro lado, elas também podem estar reconhecendo, de fato, os fraudadores que se passam por clientes legítimos.

O valor crescente dos dados pessoais e o risco progressivo de fraude devem estar constantemente no radar das empresas.

Prejuízos causados pelas fraudes

Quando uma vulnerabilidade é identificada, imediatamente a empresa fica exposta e abre portas, muitas vezes sem saber, para a ação de fraudadores. Os danos, sabemos, podem ser rápidos e desastrosos.

E no relacionamento com a empresa, o cliente espera segurança, conveniência e personalização. Identificar as preferências do cliente, portanto, é uma das missões desse contato. Deixar de cumprir um desses itens por não diagnosticar uma fraude seria o primeiro prejuízo.

Sem contar o óbvio, que ocorre quando a empresa presta um serviço ou entrega um produto a um fraudador por não ser capaz de identificá-lo. Além do prejuízo de valores, há o risco de causar danos à imagem da companhia, o que é bem mais difícil de conter.

Isso porque quando um cliente se sente prejudicado, muitas vezes, recorre a todos os recursos disponíveis para se pronunciar contra a empresa.

Também não resolve fechar o cerco e ser mais rigoroso em suas validações. O risco de influenciar negativamente a experiência do cliente tornaria o cenário ainda mais grave, especialmente, se chegasse ao ponto de recusar transações de clientes legítimo.

Da mesma forma, se os clientes forem equivocadamente bloqueados, possivelmente, vão reverberar suas insatisfações em sites de proteção ao consumidor e redes sociais. Sem contar que vão procurar o concorrente!

Recomendamos a leitura do artigo: Como evitar violação de dados. Pesquisa aponta que 49% das empresas já tiveram dados violados.

A Segurança é o fator mais importante!

Dois terços dos consumidores entrevistados na Pesquisa Global de Identidade e Fraude 2020 disseram que a segurança ainda é o fator mais importante na decisão de contratar um negócio, seguida pela facilidade de acesso.

Por outro lado, fraudadores vivem em busca do ponto mais vulnerável da empresa, e garantir proteção eficiente, mais do que necessário, é urgente.

Contar com um sistema que forneça mais segurança à sua empresa e, consequentemente, ao seu cliente, é um caminho para fazê-la ocupar um posicionamento de destaque nesse assunto.

Em muitos países a busca por melhorias já acontece e segundo a ONU (Organização das Nações Unidas) e o Banco Mundial, a tendência é que até 2030 todos os indivíduos no mundo tenham uma identidade digital.

Como evitar fraudes com proteção de dados?

Ferramentas avançadas e estratégias de autenticação mais sofisticadas já têm surtido resultados positivos no reconhecimento de clientes e na manutenção do bom relacionamento com eles.

Relacionar-se bem e garantir segurança de dados gera um aumento de confiança na organização. Portanto, é preciso verificar o próprio sistema (ou buscar novos, se for o caso) e garantir que a empresa não seja o ponto vulnerável nesse relacionamento.

Recorrer a parceiros especializados em soluções que possam apresentar uma visão completa sobre segurança de dados, é uma boa saída. Nessa hora, o conhecimento faz toda a diferença.

Além de fraudes, é necessário se proteger contra ransomware.

Sabemos que os dados é um fator de grande relevância e importância para uma organização, por isso, adotar soluções para proteção de dados, onde o principal recurso é criptografia, o que torna ilegíveis os dados que possam ser roubados por ataques de ransomware.

A tecnologia que é capaz de descobrir, proteger e controlar os dados sensíveis em qualquer lugar, é uma solução eficaz e completa, o que pode simplificar todos os processos de controle de segurança contra incidentes.

Esperamos que você tenha gostado do nosso conteúdo. Você pode falar com o nosso time a qualquer momento para tirar dúvidas.

Um abraço e até a próxima!

Veja também